1ª Fase - UnicampTrabalho
0

UNICAMP 2018 – 1ª Fase – Q. 42 (Física)

O primeiro satélite geoestacionário brasileiro foi lançado ao espaço em 2017 e será utilizado para comunicações estratégicas do governo e na ampliação da oferta de comunicação de banda larga. O foguete que levou o satélite ao espaço foi lançado do Centro Espacial de Kourou, na Guiana Francesa. A massa do satélite é constante desde o lançamento até a entrada em órbita e vale $$m = 6,0\cdot 10^{3}\, kg$$. O módulo de sua velocidade orbital é igual a $$v_{or} = 3,0\cdot 10^{3}\, m/s$$. Desprezando a velocidade inicial do satélite em razão do movimento de rotação da Terra, o trabalho da força resultante sobre o satélite para levá-lo até a sua órbita é igual a

a) 2 MJ.
b) 18 MJ.
c) 27 GJ.
d) 54 GJ.



Solução:

Aqui temos uma transformação de energia, toda energia cinética até atingir a velocidade orbital é transformada em energia potencial gravitacional. Então, considerando a velocidade inicial zero, como diz o enunciado, temos \[\tau = \frac{m\cdot v^{2}}{2} \longrightarrow \tau = \frac{6\cdot 10^{3}\cdot (3\cdot 10^{3})^{2}}{2} \longrightarrow \tau = 27\cdot 10^{9} = 27\, GJ\] Resposta: letra C.

Tags: , ,

Você pode se interessar também por…

Menu