1ª FaseQuímica
0

Fuvest 2015 – 1ª Fase – Q.72

A Gruta do Lago Azul (MS), uma caverna composta por um lago e várias salas, em que se encontram espeleotemas de origem carbonática (estalactites e estalagmites), é uma importante atração turística. O número de visitantes, entretanto, é controlado, não ultrapassando 300 por dia. Um estudante, ao tentar explicar tal restrição, levantou as seguintes hipóteses:

I. Os detritos deixados indevidamente pelos visitantes se decompõem, liberando metano, que pode oxidar os espeleotemas.
II. O aumento da concentração de gás carbônico que é liberado na respiração dos visitantes, e que interage com a água do ambiente, pode provocar a dissolução progressiva dos espeleotemas.
III. A concentração de oxigênio no ar diminui nos períodos de visita, e essa diminuição seria compensada pela liberação de $$O_{2}$$ pelos espeleotemas.

O controle do número de visitantes, do ponto de vista da Química, é explicado por

a) I, apenas.
b) II, apenas.
c) III, apenas.
d) I e III, apenas.
e) I, II e III.

Solução:

A equação da dissolução dos espeleotemas é \[CaCO_{3}\, (s) + CO_{2}\, (aq) + H_{2} O\, (l) \rightleftharpoons Ca^{2+}\, (aq) + 2\, HCO_{3}^{-}\, (aq)\] A única explicação para limitar as visitas é que o aumento da concentração de $$CO_{2}$$ no ar favorece a dissolução do carbonato de cálcio.
Resposta: letra B.

Tags: 2015, Fuvest

Você pode se interessar também por…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Veja também