Matemática Financeira
0

Valor Presente – Exercício 3

Uma loja de eletrodomésticos financia suas vendas em quatro vezes “sem juros”, mediante pagamentos mensais, iguais e sucessivos, a partir do 30º dia da data da venda. Calcule o valor do percentual de acréscimo que essa loja deve aplicar em seus preços à vista para que possa obter uma remuneração efetiva de 1,4% ao mês em seus financiamentos.



Solução:

Cada parcela terá um valor $$x$$, então o preço total da mercadoria, no instante imediatamente anterior à compra, é de $$4x$$. Do ponto de vista da loja,  é preciso calcular de um fluxo de caixa que fornecerá 4 remunerações iguais a uma taxa de 1,4%. Tal valor é o preço de venda do produto.

Calculando o  valor presente da série de pagamentos, que é uniforme — ocorrem sempre no mesmo período e sob a mesma taxa –, teremos o valor real de venda da mercadoria. Neste caso,

\[PV =\]

\[x\cdot [\frac{1}{1+1,4%}+\frac{1}{(1+1,4%)^{2}}+\frac{1}{(1+1,4%)^{3}}+\frac{1}{(1+1,4%)^{4}}]\]

\[=3,86x.\]

Em outras palavras, o preço de venda deve ser o valor das parcelas multiplicado por 3,86. Para atrair a clientela, a loja informa que realiza a venda em quatro vezes iguais sem juros, de modo que o preço do produto imediatamente antes da venda é de $$4x$$.

Daqui, basta usarmos a fórmula de acréscimo percentual para obter a taxa. De fato,

\[4x = 3,86x(1+i)\Longrightarrow i = \frac{4}{3,86}-1=3,524%.\]


Referência

Puccini, Abelardo de Lima, 1942- Matemática financeira: objetiva e aplicada

Tags: série de pagamentos, valor presente

Você pode se interessar também por…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Veja também